Você tem sede de quê? Você tem fome de quê?

Avenida dos Estados se consolida como novo polo gastronômico de Curitiba

Por Mariana Franco Ramos | Fotos Geísa Borrelli

Recentemente revitalizada, a Avenida dos Estados no bairro Água Verde, vizinho do Bairro Portão em Curitiba, concentra um número grande de bares e restaurantes. São estabelecimentos gastronômicos diversos, para todos os gostos e bolsos. E com uma vantagem: longe da badalação que muitas vezes significa filas – do Batel, por exemplo. A variedade é ainda maior se considerarmos a continuação, no trecho que vira Rua Castro e seus cruzamentos.

A região atende a motoristas que se deslocam para a zona sul da cidade (Portão e Capão Raso) e em direção ao centro. O boom gastronômico começou há cerca de dez anos, mas se
intensificou de junho de 2020 para cá. Foi quando a prefeitura transformou a avenida num binário e abriu uma ciclo faixa, passando a atrair também ciclistas e pedestres. Sim, você pode ir a pé. A caminhada do empreendimento Door até lá dura de 15 a 20 minutos.

A mais nova rede a se instalar por ali foi o Zapata Mexican Bar, já bastante conhecido no Centro Cívico. A unidade possui um amplo deck com varanda, que permite aos clientes almoçar, jantar ou fazer aquele happy hour ao ar livre, sem aglomerações. A arquitetura
remete às vilas mexicanas, com ambientes temáticos em homenagem ao líder revolucionário Emiliano Zapata e à
pintora Frida Kahlo, ambos mexicanos.

Há ainda um espaço kids, também temático, e um espaço para confraternizações. No cardápio, os destaques são, claro, os pratos típicos do país da América do Norte. Além das duas lojas de rua, a rede conta atualmente com sete no modelo Taqueria, de alimentação rápida, instaladas em shoppings e na Vila Urbana.

Nas proximidades ficam também o Mr. Hoppy, especializado em hambúrgueres e cervejas artesanais,
e o Bar do Açougueiro, um pub com foco em porções individuais de carnes de boi, carneiro, porco e frango, feitas na parrilla. Os dois pertencem ao empresário José Araújo Netto, que é dono ainda do Porks e do Bar Quermesse. Na casa ligada ao “incrível mundo do churrasco”, ele divide a sociedade com Everton Nishii. Mais para frente, perto da Praça Guanabara, está um estabelecimento tradicional do bairro: a Hamburgueria Água Verde.


A Avenida dos Estados, de 1,2 quilômetro de extensão,
reúne ainda pizzarias, como a Atolinni, botecos, como o Quitutto (um gastropub, na verdade, que serve a famosa carne de onça), e opções japonesas. Com decoração típica e ambiente acolhedor, o Izakaya Tanuki oferece sushis, espetinhos e outros petiscos nipônicos em porções pequenas, para que os clientes possam provar diversas opções. A carta de bebidas conta com mais de 50 rótulos de saquês e com os sochus, destilados a partir de cevada, batata doce ou arroz.

Mas o ponto mais tradicional da Avenida dos Estados é o Cantinho do Eisben, instalado em 1986. O proprietário, Egon Taruhn, garante que o famoso joelho de porco preparado no restaurante não fica atrás do prato servido na Alemanha. O “Cantinho” atende de terça a domingo
(almoço) ou de terça a sábado (jantar) e tem capacidade para 120 pessoas.